Eurico Miranda assume Vasco com orçamento reduzido

Eurico Miranda assume Vasco com orçamento reduzido

Nova diretoria já estabeleceu que o técnico não irá receber mais do que R$ 150 mil por mês e Joel Santana pode deixar clube

Estadão Conteúdo

02 de dezembro de 2014 | 18h32

Recém-eleito presidente do Vasco, Eurico Miranda já trabalha na preparação para a temporada de 2015, quando o clube disputará novamente a divisão de elite do Campeonato Brasileiro. Mas, para cumprir as promessas de campanha e colocar a equipe novamente na disputa por títulos, o cartola precisará de criatividade, já que trabalhará com orçamento reduzido.

A nova diretoria já estabeleceu que o técnico não irá receber mais do que R$ 150 mil por mês, o que deverá impedir até mesmo a renovação de contrato de Joel Santana - responsável por conquistar o acesso na Série B, ele tem vínculo encerrando agora e conta com vencimentos na faixa dos R$ 200 mil.

A tendência é que o técnico seja definido somente após o anúncio do novo diretor executivo de futebol. Rodrigo Caetano deixará o clube e deverá ser substituído por Paulo Angioni, que neste terça-feira anunciou seu desligamento do rival Fluminense.

Caso o acerto com Angioni realmente se confirme, ele terá bastante trabalho já em seu primeiro mês no novo clube, pois nada menos que 13 atletas do elenco vascaíno estão com seus contratos vencendo. Alguns deles foram titulares durante a maior parte do segundo semestre, casos de Diego Renan, Douglas Silva, Douglas e Maxi Rodriguez.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolVascoEurico Miranda

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.