Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Everaldo evita lamentar derrota do Corinthians: 'Confronto ainda está em aberto'

Após perder para o América-MG por 1 a 0 em casa, equipe alvinegra terá de reverter em Belo Horizonte

Redação, O Estado de S.Paulo

29 de outubro de 2020 | 00h10

Voltando a exibir oscilações, o Corinthians foi derrotado pelo América-MG por 1 a 0, na ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Mas o atacante Everaldo evitou lamentar o novo tropeço e afirmou que o time tem todas as condições de reverter a situação na partida da volta, em solo mineiro.

"O confronto ainda está em aberto, vamos trabalhar forte, tentar esquecer", comentou o jogador, lembrando de mais um desafio pelo Brasileirão, no fim de semana. "No sábado temos o Internacional e, depois, vamos trabalhar forte para poder reverter esta situação. Sabemos da nossa força e vamos em busca da classificação e, se Deus quiser, nós vamos conseguir", declarou.

A segunda partida contra o América está marcada para a próxima quarta-feira, em Belo Horizonte. O Corinthians terá de vencer por pelo menos dois gols de diferença para chegar às quartas de final. Se ganhar por um gol, a decisão da vaga será nos pênaltis. Ao América basta um empate.

Sobre o desempenho corintiano nesta quarta, Everaldo garantiu que a equipe tinha por objetivo "sufocar" a defesa americana. "Nós entramos com a proposta de sufocar os caras, de poder atacar bastante para tentar fazer os gols. Eles vieram com a proposta de se defender e sair rápido no contra-ataque. Tentamos até o final, infelizmente numa escapada eles conseguiram fazer o gol", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.