Everton Ribeiro dá receita para Cruzeiro evitar marcação

O Cruzeiro perdeu três dos últimos quatro jogos no Brasileirão. A explicação, segundo alguns jogadores, é que os adversários passaram a estudar mais o time mineiro, por ser o líder do campeonato e o rival a ser batido. Para fugir dessa nova marcação que vem sofrendo, é preciso jogar com maior movimentação e habilidade, aconselha o meia Everton Ribeiro.

AE, Agência Estado

23 de outubro de 2013 | 19h57

"O Cruzeiro é o time a ser batido, as outras equipes estudam mais o nosso time e isso dificulta. E a cada jogo vai dificultar ainda mais. A gente tem que arrumar alternativas para fazer os gols", disse Everton Ribeiro, que tem sido um dos destaques da ótima campanha cruzeirense no Brasileirão.

Responsável por armar as jogadas de ataque do time, Everton Ribeiro tem o caminho para escapar dessa marcação mais rigorosa dos adversários. "A gente acaba sendo mais visado e isso é bom, mostra que estamos fazendo um bom trabalho, junto com a equipe. Tem que ter muita movimentação e habilidade. Tem que usar na hora certa, para poder escapar dos defensores", explicou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroEverton Ribeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.