Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Divulgação/Feyenoord
Divulgação/Feyenoord

Ex-Atlético-MG e São Paulo, Pratto deixa o River Plate e assina com o Feyenoord

Atacante de 32 anos se despede do clube argentino para iniciar a terceira passagem pelo futebol europeu

Redação, O Estado de S.Paulo

01 de janeiro de 2021 | 14h51

O atacante Lucas Pratto, de 32 anos, deixou o River Plate e foi anunciado nesta sexta-feira pelo Feyenoord, da Holanda. O clube até realizou uma brincadeira ao confirmar a chegada do jogador, ao fazer uma menção ao apelido dele de urso. Em vez da tradicional frase Happy New Year (Feliz Ano Novo), o Feyenoord comunicou a vinda de reforço com: "Happy New Bear" (Feliz Urso Novo). O tempo de contrato não foi revelado.

Pratto passou pelo futebol brasileiro entre 2015 e o início de 2018. Nas duas primeiras temporadas ele defendeu o Atlético-MG e depois se transferiu para o São Paulo. Na sequência, o argentino aceitou a proposta para atuar pelo River Plate, onde foi decisivo. Em 2018 ele anotou duas vezes na final da Copa Libertadores contra o Boca Juniors e ajudou o time a ser campeão.

Nos últimos tempos Pratto perdeu espaço no time e ficou mais na reserva. Anteriormente o atacante teve outras duas passagens pelo futebol europeu. A primeira foi aos 20 anos, quando defendeu o Lyn, da Noruega. Anos mais tarde, em 2011/12, foi a vez dele jogar pelo Genoa, da Itália.

O diretor esportivo do Feyenoord, Frank Arnesen, destacou a chegada do jogador. "Com a chegada de um atacante experiente como o Lucas, acrescentamos uma opção de ataque. Isso é muito bem-vindo tendo em vista o importante recomeço da temporada e as ambições que temos. É bom para o Feyenoord que, desta forma, conseguimos fortalecer a nossa equipe para o resto da temporada", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.