Inter/Divulgação
Inter/Divulgação

Ex-Corinthians, Osmar Loss é contratado pelo Inter para ser auxiliar permanente

Profissional troca coordenação da base no clube paulista para voltar ao time gaúcho

Redação, Estadão Conteúdo

12 de novembro de 2020 | 20h51

O Internacional anunciou nesta quinta-feira a contratação de Osmar Loss para ser o novo auxiliar técnico permanente do clube. Natural de Passo Fundo, o profissional, que era coordenador das categorias de base do Corinthians, tem toda sua formação ligada ao time colorado, no qual chegou em 1994 e permaneceu até 2009, quando comandava a equipe B.

Osmar Loss teve passagem como técnico da equipe profissional do Juventude até retornar ao Colorado e permanecer de 2011 até 2013 no comando do time sub-23. No período, ele assumiu a equipe principal de maneira interina em duas oportunidades.

A trajetória bem-sucedida na base fez o Corinthians contratar Loss para dirigir a categoria sub-20. No clube paulista, foi bicampeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior e logo depois assumiu como auxiliar permanente da comissão técnica liderada por Fábio Carille, sendo campeão brasileiro em 2017.

Com a saída de Carille, foi efetivado como técnico da equipe principal do Corinthians. A passagem, porém, durou pouco tempo, apenas cinco meses. Depois, ele passou por Guarani e Vitória, até retornar ao time alvinegro para ser coordenador técnico das categorias de base.

Agora, Loss vai trabalhar junto de Leomir de Souza como auxiliar Abel Braga, que deu início à sua sétima passagem no comando do Inter. O experiente treinador foi contratado para substituir o argentino Eduardo Coudet, que se transferiu para o Celta de Vigo, da Espanha, e começou mal, com derrota por 1 a 0 para o América-MG, no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil.

Loss é o segundo a sair da base do Corinthians, antes das eleições. Há algumas semanas, o auxiliar técnico Marcelo Fernandes, do sub-23, deixou o clube para retornar ao time profissional do Santos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.