Divulgação/Guangzhou Evergrande
Divulgação/Guangzhou Evergrande

Ex-Flamengo, Fernandinho é convocado para defender a seleção da China

Brasileiro foi chamado para participar de um período de treinos, visando as Eliminatórias para a Copa do Mundo do Catar

Redação, O Estado de S.Paulo

01 de outubro de 2020 | 09h18

De Madureira para a seleção chinesa. O atacante Fernandinho, que começou no Madureira, do Rio, e também passou pelo Flamengo, é a nova cara da seleção chinesa. O jogador, que ainda pode ser usado como meia, foi convocado nesta semana para se juntar ao grupo nacional do país onde joga. Ele está na China há cinco anos. Fernandinho defende o Guangzhou Evergrande. O atleta se junta a outro brasileiro que já frequenta a lista da seleção asiática, Elkeson.

Desde o ano passado, alguns brasileiros que atuam no país já ventilavam a possibilidade de se naturalizar, beneficiado pelas leis locais, para poder disputar uma Copa do Mundo. Elkeson ficou tão empolgado que até mudou de nome. Ele agora atende por Ai Kesen. Fernandinho foi chamado para período de treinamentos em função da retomada das Eliminatórias para a Copa do Mundo do Catar, em 2022. O técnico Li Tie apresentou uma relação de 28 jogadores. 

"Estou muito orgulhoso por ter sido convocado pela primeira vez para defender a seleção da chinesa. Fazer parte dessa nação e poder representá-la dentro de campo é uma alegria gigante, difícil até de descrever com palavras. Vou dar o meu melhor para honrar e aproveitar essa oportunidade."

766E3C01-53A8-483E-9B06-CCE0C7108013
Vou dar o meu melhor para honrar e aproveitar essa oportunidade
E0EAB005-9061-4B3D-86B9-AEB61693E313
Fernandinho, jogador da seleção chinesa

Quando abriu suas portas para jogadores e técnicos brasileiros e estrangeiros, a China já tinha a intenção de se valer desses atletas para fortalecer sua seleçao nacional. Com a ajuda do governo do presidente Xi Jinping, dos clubes e da federação de futebol nacional, há outros brasileiros que aceitaram correr atrás dos trâmites para obter a nacionalidade chinesa e defender a seleção nas Eliminatórias. São eles Ricardo Goulart e Elkeson, do Guangzhou Evergrande, Alan, do Tianjin Tianhai, Aloísio, do Guangdong Tigers, e Fernandinho. No fim do ano passado, todos eles já estavam atrás dos documentos da naturalização.

Muitos jogadores brasileiros optam em buscar outras nacionalidades no futebol para deixar de ser um atleta estrangeiro no país onde atuam, abrindo vagas a outros vindos de fora. Outros, como os que estão na China, vislumbram a possibilidade de jogar por uma seleção, uma vez que não enxergam chances no Brasil, e até disputar uma Copa do Mundo. 

Além de Fernandinho, o inglês Tyias Browning, ex-Sunderland e Everton e com passagens na seleção inglesa de base, também foi convocado para defender a China nesta semana.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFlamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.