Ex-goleiro da República Checa e do Newcastle morre aos 47 anos

Pavel Srnicek, ex-goleiro da República Checa e do Newcastle, morreu nesta terça-feira, nove dias após sofrer uma parada cardíaca enquanto corria. Ele tinha apenas 47 anos. O ex-jogador estava internado em um hospital universitário da cidade de Ostrava, no leste do país.

Estadão Conteúdo

29 de dezembro de 2015 | 15h49

Srnicek disputou 49 partidas pela seleção da República Checa entre 1994 e 2001 e era o goleiro reserva do time que foi finalista da Eurocopa de 1996. Além disso, também fez parte do grupo que disputou a Eurocopa de 2000 e a Copa das Confederações de 1997.

Mas a sua carreira acabou ficando mesmo marcada pelo Newcastle, com duas passagens entre 1991 e 1998 e outra entre 2006 e 2007, quando deixou os gramados. Na primeira delas, fez parte do time que foi vice-campeão inglês em 1996. Recentemente, lançou um livro - Pavel Is a Geordie" - em que relata o período em que defendeu o clube.

Srnicek trabalhava desde 2011 como preparador de goleiros do Sparta Praga. Como jogador, ele teve passagens por outros clubes do futebol inglês, como Sheffield Wednesday, Portsmouth e West Ham, além de ter atuado na Itália, em Portugal e no Banik Ostrava, da República Checa, que foi o seu primeiro time.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.