Reprodução/ Instagram
Reprodução/ Instagram

Ex-jogador da Chapecoense deixa UTI após complicações da covid-19

Gustavo Campanharo tem 29 anos, atua pelo Kayserispor, da Turquia, e veio ao Brasil se recuperar de cirurgia no joelho

Redação, O Estado de S.Paulo

26 de maio de 2021 | 23h44

Gustavo Campanharo, jogador com passagens por Chapecoense. Juventude e Bragantino, deixou nesta quarta-feira a UTI de um hospital em Caxias do Sul-RS. O atleta segue internado para o tratamento das complicações causadas pela infecção pelo novo coronavírus.

Aos 29 anos, o meia atua pelo Kayserispor, da Turquia, e veio ao Brasil para a recuperação de uma cirurgia no joelho realizada em Portugal. Contaminado pela covid-19, Campanharo foi internado com 50% dos pulmões comprometidos e encaminhado à Unidade de Terapia Intensiva com a saturação baixa.

Neste período, o jogador teve de enfrentar também uma pneumonia e uma infecção bacteriana. Por meio de suas redes sociais, Campanharo manifestou palavras de agradecimento àqueles que desejam sua recuperação: "Queria agradecer todas as orações e a energia positiva. Estou no quarto. O mais breve possível estarei indo para casa", disse o atleta.

Gustavo Campanharo iniciou sua trajetória no mundo do futebol em sua cidade natal, Caxias do Sul. Lá, defendeu o Juventude. Da equipe gaúcha se tranferiu para a Fiorentina. Em seguida, atuou pelo Bragantino e acabou emprestado para equipes do exterior, como Verona, da Itália, e Evian, da França. Em 2016, chegou ao búlgaro Ludogorets, onde ficou algumas temporadas até ser negociado com a Chapecoense, em 2019. Depois da equipe catarinense, seguiu para o futebol turco e seu clube atual, o Kayserispor

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.