Reprodução
Reprodução

Ex-jogador da seleção de base do Afeganistão morre ao tentar se segurar em avião para fugir do país

Corpo de Zaki Anwari foi encontrado no aeroporto de Cabul, onde centenas de pessoas tentam escapar do Taleban após a retomada do controle pelo grupo extremista

Redação, O Estado de S.Paulo

19 de agosto de 2021 | 14h22

Zaki Anwari, ex-jogador de futebol da seleção de base do Afeganistão, morreu após tentar se pendurar do lado de fora de um avião para fugir do país, tomado pelo grupo radical islâmico Taleban no último domingo. A informação foi divulgada nesta quinta-feira pela agência de notícias afegã Ariana News.

Anwari foi encontrado morto nos arredores do aeroporto da cidade de Cabul. Ainda de acordo com a agência, ele caiu depois de tentar se segurar no trem de pouso de um Boeing C-17, aeronave da Forças Armadas dos Estados Unidos, durante o resgate de estrangeiros e afegãos. As imagens de pessoas penduradas na parte de fora dos aviões que levantavam voo correram o mundo, provocando uma onda de incredulidade e mal-estar.  

A morte do atleta da base foi confirmada pela Diretoria Geral de Educação Física e Esportes do Afeganistão. Anteriormente, o jovem atuou pela seleção sub-16 do seu país.

Multidões lotaram o aeroporto de Cabul nos últimos dias desde a insurgência do Taleban. No desespero para deixar o país, com medo da nova política local, dezenas de pessoas morreram da mesma forma que Anwari, tentando embarcar em aviões em movimento. Cenas de pessoas despencando das aeronaves foram registradas pelas câmeras de T 

O retorno do grupo extremista também trouxe dúvidas sobre o futuro das mulheres no esporte e no país. Nesta semana, Zakia Khudadadi, atleta de parataekwondo, pediu ajuda para conseguir viajar e participar da Paralimpíada de Tóquio. Ela pode se tornar a primeira mulher do seu país a disputar a competição. 

Shabnam Mobarez, capitã da seleção feminina afegã, disse ao Estadão sobre a esperança que o esporte trouxe para o país nas últimas décadas e o temor de ter de abandonar o futebol após a retomada do Taleban.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.