Ex-jogadores pedem reforços para que Santos evite vexame

Dorval, Bianqui e Gilberto Sorriso dizem que time também precisa de tempo para se adaptar ao esquema de Leão

André Rigue, estadao.com.br

03 de março de 2008 | 15h49

No lançamento da nova camisa do Santos, três ex-jogadores do clube aproveitaram para alertar a diretoria sobre a fraca campanha da equipe no Campeonato Paulista. Bianqui, Dorval e Gilberto Sorriso disseram que o time precisa de investimentos para evitar novos vexames. No Paulistão, o Santos soma apenas 14 pontos e ocupa a 13.ª colocação.   Veja também: Santos apresenta sua terceira camisa, de cor azul Leão tem desfalques no treino e reclama de médico no Santos Santos é o melhor brasileiro no ranking da IFFHS  Coleção de uniformes do Santos na temporada 2008    A opinião dos ex-jogadores do Santos:   DORVAL (ex-ponta da década de 1960) "Eu não me surpreendi com o futebol do Santos neste início, pois foi o time que menos contratou. O time está devagar porque tem jogadores que chegaram agora e não se adaptaram ao esquema de Emerson Leão . O Santos não tem grandes jogadores, mas tem um time que pode dar glórias. No entanto, precisa de reforços, pois passou por uma grande reformulação e ainda não fez grandes contratações."   BIANQUI (ex-zagueiro da década de 1970) "O time veio de uma pré-temporada curta. As contratações chegaram num momento tardio. Não deu para [o técnico Leão] fazer uma espécie de treinamento para adaptar o grupo. Essa foi a grande falha do Santos na temporada. Mas acredito que ainda há tempo para que o time se recupere e possa ter um segundo semestre melhor."   GILBERTO SORRISO (ex lateral-esquerdo da década de 1980) "O Santos tem tudo para se recuperar. Precisa que as coisas se encaixem para que o time apresente um bom futebol. O ambiente está meio conturbado, é verdade... Mas isso também é natural, pois quando o time não conquista vitórias o emocional dos jogadores não fica bom. Acredito que o time crescerá ao passo em que os resultados positivos forem chegando."

Tudo o que sabemos sobre:
Santos FC

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.