Divulgação/Ibope
Divulgação/Ibope

Ex-presidente do Botafogo desabafa: 'É o maior freguês da história do Vasco'

Carlos Augusto Montenegro critica o time em áudio vazado nas redes sociais após derrota no clássico

Redação, Estadão Conteúdo

14 de setembro de 2020 | 14h48

Ex-presidente e membro do comitê de futebol, Carlos Augusto Montenegro ficou muito irritado com mais uma derrota do Botafogo diante do arquirrival Vasco, deste vez por 3 a 2, no estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro, pelo Campeonato Brasileiro, e chama o time de "maior freguês da história do Vasco".

Em áudio vazado nas redes sociais, Montenegro aparece conversando com um possível crítico do time sobre o clássico e também avaliando a rodada, e ainda critica alguns jogadores do clube. "O Zé, não é deboche, não, o Botafogo é o maior freguês da história do Vasco. O Vasco tem 160 vitórias e a gente tem 80. O único clube que tem essa disparidade", reclamou. Na verdade, o histórico aponta 148 triunfos vascaínos, diante de 94 vitórias botafoguenses no retrospecto do clássico.

A disparidade realmente é grande. E, para piorar o humor de Montenegro, novamente a derrota veio após uma boa apresentação do time de General Severiano. "Eu já vi jogos onde o Botafogo jogou bem melhor e perdeu. Já vi jogos com os grandes times de 61, 62, 67, 68, e nós dominávamos o jogo todo contra o Vasco e perdíamos", lembrou.

"Hoje (domingo) nós estávamos mal no primeiro tempo, eles fizeram um gol num erro de várias pessoas, o último do Benevenuto. O (Paulo) Autuori ficou puto, trocou dois, depois botou o africano, a gente melhorou, empatou, estava jogando bem melhor e em um minuto, 3 a 1 Vasco. Isso é jogo Botafogo x Vasco. Depois a gente fez 3 a 2, daí o Kalou tropeçou na hora de fazer o gol, com gol aberto, depois o Babi, que jogou muita bola, acerta a trave e, deitado, chuta para o goleiro fazer milagre. 3 a 2, acabou, perdemos para o Vasco", disse.

Montenegro ainda listou os jogos contra Corinthians, Athletico-PR e Flamengo, no qual, em todos, o time vencia e levou o empate nós acréscimos. "Temos uma vitória, podíamos ter quatro".

O Zé, que ouviu o desabafo de Montenegro, era algum crítico do time. No áudio é possível ver o ex-presidente reclamando que "vocês só criticam". Ao assumir que há coisas erradas no clube, uma cutucada no elenco. "Tem alguns jogadores fracos? Claro que temos. Você faz 8, 9, 10 contratações, daí erra uma, duas. Hoje está todo mundo puto com o Pedro Raul. Há dois jogos todos estavam chorando que o Inter queria levar o Pedro Raul. Isso é o futebol".

Atitude pensada ou desabafo, o fato é que a fala de Montenegro pode servir de motivação para os jogadores botafoguenses buscarem uma resposta imediata ao dirigente. Nesta quarta-feira e no próximo dia 23, o Botafogo faz dois jogos de mata-mata da Copa do Brasil, em sua quarta fase, diante justamente do Vasco.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.