Ex-presidente do Vasco, Calçada dá apoio à Dinamite

Unir as forças em prol do Vasco. Essa é uma das metas do presidente Roberto Dinamite, que depois de se reunir com o ministro dos esportes Orlando Silva, em Brasília, estendeu o tapete vermelho de São Januário para Antônio Soares Calçada, presidente de honra do clube.

AE, Agencia Estado

19 de março de 2009 | 19h06

Roberto Dinamite recebeu o ex-presidente para uma reunião e o ex-presidente saiu radiante do encontro que durou cerca de 30 minutos. Calçada ergueu a bandeira branca para que o Vasco viva um processo de conciliação dos grandes vascaínos. Sem aparecer no clube desde o ano passado, ele estendeu as mãos ao atual presidente, e a confiança no trabalho do maior ídolo à frente do clube está cada vez mais em evidência.

"Temos que ajudar o Roberto, porque assim estaremos auxiliando o Vasco também, e acabar com as dissidências políticas. Quero deixar claro que não sou situação nem oposição. Sou Vasco da Gama", destacou Calçada.

"Tenho certeza que o Roberto vai reestruturar o quadro social do Vasco. Espero que possamos nos tornar campeões cariocas no primeiro ano de administração do Roberto", finalizou Calçada, que foi visto pela última vez envolvido com os assuntos do clube na eleição do ano passado na sede náutica da Lagoa.

Também nesta quinta-feira, os funcionários do clube tiveram seus problemas salariais atenuados. A diretoria quitou um mês de salários atrasados e espera quitar os outros dois meses defasados até o fim da próxima semana.

Mais conteúdo sobre:
futebolVascoCalçada

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.