Ex-presidente vascaíno depõe na CPI

O ex-presidente do Vasco da Gama, Agathyrno da Silva Gomes, depõe em instantes, na CPI do Futebol, no Senado Federal, para prestar esclarecimentos na comissão, sobre desvio de recursos do Vasco, pelo atual presidente, o deputado Eurico Miranda (PPB-RJ). A CPI já havia confirmado os depoimentos do ex-conselheiro Ivo Morgado e do sócio-benemérito João Manoel de Almeida, que desistiram de comparecer à comissão, depois de apresentarem atestado médico à CPI, "apesar de haverem se oferecido para prestar depoimento", segundo confirmou o relator da CPI, senador Geraldo Althoff (PFL-SC). Na audiência pública da quinta-feira, para debater a Lei do Passe, o ex- jogador Raí foi substituído por seu irmão, o também ex-atacante, Sócrates. Enquanto que o presidente do Clube dos 13, Fábio Koff estará representado por João Bosco Luiz de Morais. O advogado Maurílio Krieger, especialista em Direito Desportivo, confirmou sua presença no debate.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.