Daniel Teixeira/AE
Daniel Teixeira/AE

Ex-preso de Oruro briga com vascaínos em aeroporto de Natal

Soldado tem histórico de confusões

Raphael Ramos, O Estado de S.Paulo

23 de julho de 2015 | 07h00

Segundo a Polícia Civil do Rio Grande do Norte, entre os torcedores que participaram da briga de corintianos e vascaínos no Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarante, nos arredores de Natal, estaria Leandro Silva de Oliveira. Conhecido como Soldado, em 2013 ele ficou cinco meses e meio preso em Oruro, na Bolívia, acusado pela morte do jovem Kevin Espada – foi solto com outros 11 corintianos por falta de provas.

Imagens do circuito interno de segurança do aeroporto de Natal obtidas pelo Estado mostram torcedores vestindo uniforme da Gaviões da Fiel, organizada do Corinthians, desferindo socos em vascaínos ao lado de outros passageiros, incluindo mulheres e crianças, que estão numa escada rolante. Oliveira foi levado à delegacia, teve os seus dados recolhidos e acabou liberado.

Na confusão, um vascaíno integrante da torcida Força Jovem acusou os corintianos de lhe roubarem um aparelho celular e uma mochila. A Polícia Militar deteve cinco torcedores do Corinthians que tentavam fugir do aeroporto em um táxi. No momento da abordagem policial, eles jogaram o celular pela janela. O grupo foi encaminhado ao distrito policial para prestar depoimento.

Soldado tem histórico de brigas entre torcedores. Menos de um mês após deixar o presídio em Oruro e voltar para o Brasil, ele participou de uma pancadaria generalizada com torcedores do Vasco no Mané Garrincha, em Brasília. Vídeos de emissoras de tevê e fotos feitas pelo Estado no estádio mostraram o torcedor enfrentando policiais militares, sendo atingido por spray de pimenta e, na sequência, trocando socos e pontapés com vascaínos e policiais.

Dois dias depois da briga em Brasília, a Federação Paulista de Futebol (FPF) baixou resolução proibindo a entrada do torcedor nos estádios paulistas por 90 dias. O ofício foi encaminhado para as outras 26 federações estaduais com a orientação de que Oliveira também fosse vetado em todos os estádios do Brasil. Mesmo assim, ele driblou a segurança e esteve na Arena do Grêmio, no dia 23 de outubro de 2013, e acompanhou das arquibancadas a queda do Alvinegro na Copa do Brasil, em Porto Alegre.

O Vasco jogou na quarta-feira em Natal contra o América-RN, pela Copa do Brasil, e venceu por 3 a 2. Já o Corinthians disputou um amistoso no estádio Frasqueirão em comemoração ao centenário do ABC e venceu por 1 a 0.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolCorinthians

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.