Ex-vice da Fifa Jeffrey Webb está nos EUA, diz promotor a tribunal

O ex-vice-presidente da Fifa Jeffrey Webb chegou aos Estados Unidos para enfrentar acusações criminais como parte do escândalo de corrupção no futebol mundial, informou um promotor dos EUA nesta sexta-feira ao juiz responsável pelo caso.

REUTERS

17 de julho de 2015 | 14h34

O promotor Evan Norris disse em audiência num tribunal do Brooklyn, em Nova York, que não sabe quando Webb fará sua primeira aparição na corte para ouvir as acusações contra ele e se pronunciar.

Webb, cidadão das Ilhas Cayman, foi preso em maio em Zurique ao lado de outros seis dirigentes esportivos, incluindo o ex-presidente da CBF José Maria Marin, como parte de uma investigação norte-americana sobre esquema de corrupção no esporte. Ele concordou em ser extradidato da Suíça para os EUA.

(Reportagem de David Ingram)

Tudo o que sabemos sobre:
FUTFIFAWEBBEXTRADIDATO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.