Paulo Liebert/AE - 1/2/2010
Paulo Liebert/AE - 1/2/2010

Exame aponta lesão e Robinho para por até dez dias

Atacante do Santos sofre com uma inflamação no músculo adutor da coxa esquerda; Ele sequer viaja para os EUA

Sanches Filho, Agencia Estado

17 de março de 2010 | 18h27

Robinho vai parar durante dez dias. O exame de ressonância magnética do jogador apontou inflamação no músculo adutor da coxa esquerda. Dessa forma, ele desfalcará o Santos na quinta-feira, contra o Remo, pela Copa do Brasil, e não acompanhará a delegação santista nos Estados Unidos. Ele também ficará de fora das três próximas rodadas do Paulistão, contra Ituano, Botafogo, e Monte Azul.

A delegação do Santos viajará para os Estados Unidos para enfrentar o New York Red Bull, na inauguração da moderna arena do clube norte-americano, no sábado, na cidade de Newark. Os dirigentes não informaram o valor da cota, que seria de aproximadamente US$ 500 mil (mais de R$ 850 mil).

O time que embarcará ainda nesta quarta-feira contará apenas com jogadores que não estão sendo aproveitados por Dorival Júnior, como o goleiro Fábio Costa. Os demais são: Rafael (goleiro), George Lucas, Crystian, Bruno Aguiar, Diego Monar, Luciano Castan, Wesley Santos, Alex Sandro, Germano, Elivelton, Alan Santos, Jeferson, Giovanni, Zezinho, Breitner, Marcel e Neymar.

O jogo contra o Red Bull vai obrigar Dorival Júnior a se submeter a uma maratona. Serão três jogos em quatro dias. Na quinta, após o jogo com o Remo, o técnico e Neymar, presenças obrigatórias no amistoso, viajam de Belém para São Paulo e, em Cumbica, na madrugada de sexta, embarcam para Nova York.

O treinador voltará para o Brasil logo após o jogo nos Estados Unidos, e desembarcará em Guarulhos na manhã do domingo. Às 19h30, ele orientará o time principal do Santos contra o Ituano. Neymar, suspenso, vai retornar com o restante da delegação na segunda-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.