Exame confirma lesão em Deco, e preocupa Fluminense

O treinamento desta sexta-feira, nas Laranjeiras, suscitou duas dúvidas no Fluminense. Uma para o duelo de domingo contra o Nova Iguaçu, quando um empate classifica a equipe para as semifinais da Taça Rio. Outra, mais importante, para o jogo decisivo contra o Argentinos Juniors, quarta-feira, pela Copa Libertadores.

AE, Agência Estado

15 de abril de 2011 | 19h29

Emerson pode ser sacado do time para o confronto pelo Carioca, e Deco dificilmente terá condições de jogo pela competição continental. O meia voltou a reclamar de dores musculares na coxa direita e um exame constatou um edema no local. A preocupação é evitar uma nova lesão que o afaste dos gramados por longo tempo, como ocorreu no início do ano. Deco já seria desfalque contra o Nova Iguaçu por estar suspenso.

"O problema tem impossibilitado (Deco) de treinar. É lógico que preciso pensar bem sobre o aproveitamento de um jogador que perde um número significativo de treinos. Ainda mais em uma partida decisiva como essa na Argentina", projetou Enderson, que confessa dúvida no ataque.

Emerson não participou do treino tático desta sexta, liberado para resolver problemas particulares, e deve ser preterido em favor de Araújo, que vive melhor momento neste início de temporada.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFluminenseEmersonDeco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.