Rubens Chiri/Divulgação
Rubens Chiri/Divulgação

Exame não constata lesão e Carlinhos deve reforçar São Paulo

Lateral reclamou de dores no músculo adutor da coxa direita

Estadão Conteúdo

15 de junho de 2015 | 18h50

O técnico Juan Carlos Osorio recebeu uma boa notícia nesta segunda-feira. O lateral-esquerdo Carlinhos, que deixou o campo contra a Chapecoense aos 27 minutos do segundo tempo, por causa de dores na perna, foi avaliado pelo departamento médico do São Paulo e deve estar liberado para encarar o Avaí, domingo, no Morumbi.

O jogador reclamou de dores no músculo adutor da coxa direita, mas após exames realizados detectou-se que era apenas uma fadiga muscular. Mesma sorte não teve Reinaldo, outro especialista na lateral, que também foi substituído diante da Chapecoense. Exames mostraram que ele está com uma contratura muscular na coxa direita.

Além de Carlinhos, outro reforço para a partida pelo Campeonato Brasileiro é o meia Paulo Henrique Ganso, que não foi relacionado para o duelo do último fim de semana para se recuperar de dores musculares. Ele deve estar à disposição do treinador para domingo. Ganso, inclusive, fez fisioterapia no dia de folga dos atletas e deve voltar aos treinos da equipe.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCCarlinhos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.