Bruno Domingos/Reuters
Bruno Domingos/Reuters

'Exemplo', Ronaldo rouba cena em festa do Brasileirão

Fenômeno destacou o sucesso com a camisa da seleção brasileira e foi aplaudido de pé

AE, Agência Estado

07 de dezembro de 2010 | 10h00

A festa de premiação dos melhores jogadores do Campeonato Brasileiro, que foi realizada na noite da última segunda-feira, contou com um capítulo à parte envolvendo o Corinthians e seu principal jogador. Além de ver Roberto Carlos, Jucilei e Elias serem eleitos para a seleção do campeonato, o clube viu Ronaldo roubar a cena durante a premiação.

Veja também:

linkConca é eleito o melhor jogador do Brasileirão

Homenageado por sua trajetória no futebol brasileiro, Ronaldo chegou a ser aplaudido de pé depois do seu discurso e destacou o fato de ter defendido com tanto sucesso a seleção brasileira, pela qual ganhou duas Copas do Mundo e foi vice-campeão mundial em 1998. "É uma honra muito grande ter servido todos esses anos à seleção brasileira. Era como um exército e espero que tenha sido um exemplo para toda essa criançada", ressaltou o atacante.

"Realmente estou muito emocionado, muito feliz. Parabéns a todos os premiados e ao Fluminense pelo título. E aos torcedores do Fluminense mais exaltados, queria dizer que para gostar do seu clube você não precisa odiar o outro", reforçou o jogador, que criticou o fato de torcedores do Fluminense presentes ao Teatro Municipal do Rio de Janeiro, palco da premiação, terem vaiado alguns jogadores eleitos para a seleção do campeonato.

Já Andrés Sanchez, presidente do Corinthians, acabou recebendo uma sonora vaia da plateia depois de fazer um discurso polêmico na cerimônia de premiação. O dirigente lembrou que o Fluminense voltou a ser campeão brasileiro depois de ter amargado quedas para a segunda e terceira divisão do futebol nacional.

"Sei como é duro cair para a Série B. Mas o Corinthians voltou pela porta da frente", afirmou, referindo-se ao fato de o Flu ter saído da Série C para a elite em 2000, quando foi realizada a Copa João Havelange.

O Corinthians, por sua vez, recebeu uma homenagem da CBF pelo seu centenário e recebeu uma placa da entidade que dirige o futebol brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.