Carl Recine/Reuters
Carl Recine/Reuters

FA diz que vai investigar suposta ofensa de Firmino contra jogador do Everton

Atacante brasileiro teria feito xingamentos racistas contra o zagueiro Mason Holgate

Estadão Conteúdo

06 Janeiro 2018 | 11h50

A Associação de Futebol da Inglaterra (FA, na sigla em inglês) afirmou neste sábado que vai investigar as supostas ofensas do brasileiro Roberto Firmino contra o zagueiro Mason Holgate, do Everton, no clássico da cidade de Liverpool. O jogo, válido pela Copa da Inglaterra, foi disputado nesta sexta-feira, com vitória do Liverpool.

+ Barcelona acerta a contratação de Philippe Coutinho, segundo jornais espanhóis

Em comunicado, a FA revelou que vai "começar a apuração diante do assunto", após reclamações do técnico Sam Allardyce e do próprio Mason Holgate. Eles alegaram que o jogador foi ofendido verbalmente. Há suspeita de ofensas racistas por parte de Firmino, mas a FA não confirmou se declarações deste tipo são alvo da investigação.

Questionado sobre estas supostas declarações do brasileiro, o treinador se esquivou ao fim da partida. "Não vou dizer nada a vocês [imprensa] até que se decida quais serão os sistemas usados para descobrir o que aconteceu exatamente e o que não aconteceu", declarou Allardyce.

Técnico do Liverpool, Jürgen Klopp minimizou a discussão. "Eu tive informação de que nada aconteceu... Mas não posso dizer nada sobre isso", declarou, após a vitória do Liverpool por 1 a 0, com gol aos 39 minutos do segundo tempo - o time avançou à quarta fase da Copa da Inglaterra.

A discussão entre os dois jogadores aconteceu Holgate jogou Firmino contra as placas de publicidade do estádio, numa disputa de bola. O brasileiro foi flagrado pelas câmeras xingando o adversário em português. Mas a arbitragem logo interveio e afastou os dois atletas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.