Fabão fará tratamento no Santos nos próximos dois meses

Zagueiro deverá ser avaliado novamente pelo time alvinegro ao final do período e volta a ter chance de ficar

10 de janeiro de 2008 | 12h34

O zagueiro Fabão não será contratado pelo Santos neste momento, mas deve ficar no clube pelos próximos 60 dias. É que ele foi autorizado pelo técnico Emerson Leão e o presidente Marcelo Teixeira a continuar seu tratamento para recuperar de uma lesão no tornozelo direito no Cepraf (Centro de Excelência em Prevenção e Recuperação de Atletas de Futebol).Com isso, a chance do jogador permanecer no time alvinegro por empréstimo do Kashima Antlers volta a existir, já que Fabão será novamente avaliado pelo médico Carlos Braga ao final destes dois meses. A permanência dele no CT Rei Pelé é uma forma encontrada pelo clube para reforçar que não o vetou no exame médico, somente considera o tempo de recuperação longo pela necessidade do time.AVALIAÇÕESOutros dois jogadores estão em avaliação no Santos, mas em campo, sem problemas médicos. O zagueiro Rogério e o meio-campista Luciano Henrique, que voltaram de empréstimo, estão sendo observados pelo técnico Leão, ainda sem prazo para definir a situação de ambos.

Tudo o que sabemos sobre:
Santos FCPaulistão A-1Fabão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.