Fabinho deve atuar na lateral em Criciúma

Até o coletivo de sexta-feira o técnico Geninho espera definir quem jogará como lateral-direito do Corinthians, domingo, contra o Criciúma, em Santa Catarina. Sem o titular Rogério, machucado, e seu reserva imediato, Coelho, suspenso automaticamente por ter sido expulso contra o Fortaleza, o treinador terá de improvisar. O favorito é o volante Fabinho, que já atuou como lateral-direito na época de Vanderlei Luxemburgo, em 2001. No treinamento técnico desta terça-feira Fabinho participou de todas as jogadas se posicionando como lateral-direito. O jogador disse que aceitaria ?sem problemas? voltar à posição. ?Só preciso me policiar um pouco na hora de atacar." Se Fabinho for confirmado na direita, Wendell deve entrar como volante. A outra opção de Geninho para a lateral é também uma improvisação: o zagueiro Betão. Nesse caso, Fabinho continuaria como volante. Nos juniores Betão jogava como terceiro zagueiro, mas sempre costumava cair pelo setor direito. Nesta terça-feira, porém, Geninho não quis dizer qual das opções é a sua favorita. ?Ainda bem que tenho toda a semana para pensar. Vou testar as duas alternativas e escolher uma na sexta-feira, depois do coletivo." O desafio do time no domingo é conseguir a segunda vitória consecutiva após 112 dias. A última vez que o Corinthians venceu dois jogos consecutivos no Campeonato Brasileiro foi no final de maio (24) e começo de junho (1º), quando venceu o Juventude por 3 a 0 e o Vitória por 4 a 0. Geninho está otimista porque sente que o período mais crítico de deslumbramento de seus meninos já passou. ?Eles estão amadurecendo. Pelo menos aquele choque inicial da ascensão ao time principal já passou. Tudo isso vai fazendo com que o desempenho deles também cresça." Dos jogadores que estão entregues ao Departamento Médico, nenhum reforçará a equipe no sul. Gil, que já voltou aos treinos, ainda precisa melhorar um pouco mais o seu condicionamento físico para reassumir o seu lugar na equipe.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.