Fábio Baiano acerta com o Santos

O meia Fábio Baiano é o terceiro reforço do Santos para este ano. Ele foi contratado hoje à tarde, depois de permanecer durante horas no CT Rei Pelé acertando os últimos detalhes de seu contrato e fazendo exames médicos e físicos. O jogador havia sido dispensado pelo Corinthians, que não aceitou sua proposta de renovação. As bases de seu contrato com o Santos não foram reveladas. Ele será apresentado oficialmente na sexta-feira, quando o elenco santista volta aos treinos. O dia foi de mistério. As informações foram chegando devagar e a assessoria de imprensa do clube passou o dia negando que o jogador estivesse no CT Rei Pelé. O portão da área administrativa nunca foi tão vigiado para evitar que os jornalistas conseguissem saber que Fábio Baiano estava ali mesmo. Às 17h40, porém, não teve mais jeito de esconder: o jogador entrou na van que o levaria de volta à Capital. Essa cena foi vista por um buraco do muro, pois ao entrar no veículo Fábio Baiano fechou todas as cortinas para não ser fotografado. Nesse período em que o jogador esteve no CR Rei Pelé funcionou um esquema de silêncio absoluto, com celulares desligados e informações evasivas. Só às 18h30 a contratação foi confirmada oficialmente. Fábio Baiano ficará um ano na Vila Belmiro e não foi o último reforço para o time que disputará o Paulista e a Libertadores da América. Hoje o clube continuava procurando um lateral-direito, pois são cada vez menores as chances de Paulo César retornar. As informações são desencontradas e o Santos estaria negociando com Gabriel e até mesmo Maurinho, que já atuou na Vila Belmiro. Também é muito remota a possibilidade da contratação por empréstimo do atacante Marcel, que está na Coréia, já que a Armadora de Coimbra tem uma proposta de compra dos direitos federativos do jogador no valor de 1,8 milhão de euros. Hoje, surgiu outro nome de atacante nos planos do Santos: Fernando Diniz, que trabalhou com Oswaldo de Oliveira no Fluminense.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.