Fábio Costa e Robinho só voltam ao Santos em outubro

A boa campanha do Santos no segundo turno do Campeonato Brasileiro melhorou o ambiente no clube, mas o time ainda tem problemas para a seqüência da competição. O goleiro Fábio Costa e o meia Robinho seguem se recuperando de lesões e só ficar à disposição do técnico Márcio Fernandes em outubro.   Veja também:  Técnico do Santos já fala em vaga na Sul-Americana Melhora no passe é o segredo do Santos, diz técnico Santos sofre, vence o Flu e deixa a zona do rebaixamento Brasileirão Série A - Classificação Brasileirão Série A - Resultados / Calendário Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão O goleiro fez exame de ultra-som dinâmico nesta segunda-feira e foi constatado que a lesão de segundo grau na coxa esquerda está cicatrizada. Depois de dois meses de tratamento, ele inicia nesta terça treinamentos leves."Fábio está liberado para exercícios aeróbios — bicicleta e caminhada em volta dos campos, sem forçar — e na semana que vem poderá treinar com bola. Se tudo correr dentro da normalidade, em outubro Fábio Costa deve estar pronto para voltar a jogar", explicou o médico Carlos Braga.Robinho, meia que o Santos contratou do Mogi Mirim e que foi bem na estréia contra o Fluminense, no primeiro turno, é outro que está deixando o departamento médico. Ele teve agravada uma lesão por receber uma carga inadequada de preparação física e ter sido escalado sem as condições ideais contra o Botafogo.Agora, o tratamento prescrito por Braga foi seguido e o problema está quase superado. "A situação dele no momento é quase igual a do Fábio Costa. Está sendo liberado para treinos leves, vai aumentando a intensidade e dentro de 15 dias deve estar em condições para ser escalado", afirmou o médico santista.  

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.