Natacha Pisarenko/AP
Natacha Pisarenko/AP

Fábio diz que 'é preciso dar méritos' ao Estudiantes

Goleiro do Cruzeiro lamenta a perda do título da Copa Libertadores dentro do Estádio do Mineirão

EFE,

16 de julho de 2009 | 01h21

O goleiro Fábio, capitão do Cruzeiro, disse nesta quinta-feira que "é preciso dar méritos" ao Estudiantes depois de sua equipe perder a Copa Libertadores para o clube argentino em pleno Mineirão após uma derrota de 2 a 1.

 

Veja também:

link Estudiantes frustra Cruzeiro e conquista a Libertadores

mais imagens GALERIA - Imagens da decisão em Belo Horizonte

especialLIBERTADORES: leia mais no canal especial

tabela Copa Libertadores - Classificação e Calendário 

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

 

Quase todos os jogadores do time mineiro deixaram o gramado sem falar com a imprensa, ao mesmo tempo em que os argentinos do Estudiantes levantavam a taça da quarta Libertadores da história do clube de La Plata, que já levou o título em 1968, 1969 e 1970.

 

O Cruzeiro tentava a terceira taça, que se somaria às de 1976 e 1997. Este foi o terceiro ano seguido em que um time brasileiro decidiu o torneio em casa e ficou sem o troféu - em 2008, a Liga Deportiva Universitária (LDU) de Quito bateu o Fluminense nos pênaltis no Maracanã.

 

O título garante os argentinos na próxima edição do Mundial de Clubes da Fifa, de 9 a 19 de dezembro nos Emirados Árabes.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa LibertadoresFábioCruzeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.