Pedro Vilela/Vipcomm
Pedro Vilela/Vipcomm

Fábio e Paraná alcançarão marca histórica no Cruzeiro

Goleiro e meio-campista ficarão com segundo lugar entre os atletas que mais atuaram pelo time mineiro na Libertadores

AE, Agência Estado

30 de março de 2010 | 11h48

A partida contra o Vélez Sarsfield, quarta-feira, no Mineirão, será decisiva para o Cruzeiro na Libertadores e histórica para o goleiro Fábio e o meio-campista Marquinhos Paraná. Os dois jogadores completarão 31 partidas pelo time mineiro e ficarão com o segundo lugar na lista dos atletas que mais defenderam o time na competição continental, atrás apenas de Raul, com 40 jogos.

"Isso é importantíssimo para a gente. Quando parar, vou ficar lembrado para sempre aqui. Espero disputar muitos jogos este ano ainda, se Deus quiser disputar mais uma Libertadores ano que vem. Fico bastante feliz por saber disso", afirmou Fábio, ressaltando que está escrevendo seu nome na história do Cruzeiro.

Já Marquinhos Paraná espera aumentar a sua marca com a conquista do título da Libertadores. "É difícil você manter a regularidade em um clube grande como o Cruzeiro. São três anos seguidos disputando Libertadores, esperamos chegar à final e vencer, já que no ano passado não conseguimos", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.