Mauro Akiin Nassor/Light Press/Cruzeiro
Mauro Akiin Nassor/Light Press/Cruzeiro

Fábio minimiza derrota de sábado e promete Cruzeiro forte no Chile

Após cair para o Grêmio em casa na estreia do Brasileiro, time mineiro enfrenta Universidad de Chile, quinta-feira, em Santiago, pela Libertadores

Estadão Conteúdo

17 de abril de 2018 | 15h06

Campeão mineiro, o Cruzeiro decepcionou na estreia do Brasileirão ao cair em casa para o Grêmio, no último sábado. Se engana, porém, quem acredita que este resultado abalou o elenco. Nesta terça-feira, o goleiro Fábio garantiu um time forte para a terceira rodada da Libertadores, diante da Universidad de Chile, quinta-feira, em Santiago.

+ Dedé pede 'concentração além do normal' para Cruzeiro na Libertadores

"A derrota de sábado não vai influenciar, até porque temos jogadores que já vivenciaram muitas situações na carreira. Recentemente, tivemos uma situação difícil, precisávamos da vitória na segunda partida da decisão do (Mineiro). Fizemos um belo jogo e conseguimos o resultado necessário. Agora, temos novamente a chance de escrever uma história diferente. Queremos fazer um belo jogo e conquistar os três pontos", declarou.

Apesar de atuar fora de casa, o Cruzeiro precisa da vitória na quinta. Afinal, somou apenas um ponto nas duas primeiras rodadas e pode ver o Racing e a própria Universidad de Chile, que têm quatro pontos, se distanciarem na liderança do Grupo E. O próprio Fábio, porém, previu dificuldade para o confronto.

"Jogar em Santiago é sempre difícil, tive a oportunidade de jogar lá várias vezes. Eles têm qualidade, uma posse de bola muito boa e vamos estudar um pouco mais o adversário. Mas temos de ter postura, determinar o ritmo da partida. Não podemos deixar o time deles se impor, mesmo que estejamos fora de casa", comentou.

Outro líder do elenco celeste, o volante Henrique também mostrou conhecer o adversário e fez análise parecida. "O time do Universidad de Chile tem um bom toque de bola, marca forte. Eles brigam muito, disputam todas as bolas. O adversário tem qualidade, mas o grupo do Cruzeiro também tem. Vamos para fazer nosso melhor, sabendo da importância do jogo. Vamos em busca do resultado positivo."

Nesta terça, o Cruzeiro finalizou a parte da preparação no Brasil e contou com três reforços no treinamento da Toca da Raposa II: Ezequiel, Lucas Romero e David, recuperados de problemas físicos. Na quarta, o time faz seu último treino para a partida, já no Chile, e Mano Menezes deverá definir a escalação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.