Fábio Santos se emociona em apresentação no Cruzeiro

O volante Fábio Santos foi apresentado nesta segunda-feira como novo reforço do Cruzeiro e se emocionou em seu retorno ao time mineiro, pelo qual já atuou entre 2005 e 2006. Às lágrimas, o jogador agradeceu o apoio dado pelo clube em sua recuperação de uma cirurgia no joelho direito, que vinha sendo feita no departamento médico cruzeirense.

AE, Agência Estado

26 de abril de 2010 | 23h29

"Sou ser humano e de carne e osso. Desculpa. Esta alegria vai se transformar lá dentro (de campo). Só isso que tenho a dizer, obrigado a todos", afirmou Fábio Santos, atualmente com 29 anos e acumulando passagens por Santo André, São Caetano, São Paulo, Fluminense, Nacional, de Portugal, e o francês Lyon. "Sempre me senti bem com esta camisa", disse o volante sobre o Cruzeiro.

Nem a possibilidade de ficar na reserva desmotiva o jogador. "São grandes jogadores e de qualidade, mas chego para buscar meu espaço. Tenho que provar todos os dias para mim mesmo, e a comissão técnica está olhando. Quando ela precisar, estarei pronto para dar o respaldo. A concorrência vai ser muita, mas acredito que jogará o melhor", comentou.

Fábio Santos já deve ficar à disposição do técnico Adilson Batista para o jogo desta quinta-feira, contra o Nacional, do Uruguai, no Mineirão, pelo confronto de ida das oitavas de final da Copa Libertadores. O volante será um dos três jogadores inscritos pelo Cruzeiro para as próximas fases da competição. A lista será divulgada nesta terça.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroFábio Santos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.