Paulo Fernandes / vasco.com.br
Paulo Fernandes / vasco.com.br

Fabrício lamenta lesão de Henrique, mas promete manter setor em alta no Vasco

Lateral prevê jogo complicado na semifinal do Carioca

Estadão Conteúdo

25 de março de 2018 | 16h26

Provável titular na semifinal do Campeonato Carioca, após Henrique sofrer uma contusão muscular, o lateral-esquerdo Fabrício lamentou neste domingo a contusão do companheiro, mas assegurou que tem condições de manter o setor como um dos pilares do Vasco nestes últimos confrontos do Estadual.

+ Giovanni Augusto celebra volta antecipada e se diz pronto para ajudar o Vasco

+ Wellington elogia intensidade de Zé Ricardo e garante que Vasco está em evolução

+ Erazo revela conversa com diretoria e minimiza salários atrasados no Vasco

Antes de sofrer a lesão, Henrique era um dos principais jogadores do time. "A expectativa para essa sequência é a melhor possível. Não queria que a chance viesse desse jeito, com a lesão de um companheiro, ainda mais o Henrique, que era um dos pilares do grupo nesse começo de temporada", comentou o lateral, antes de acrescentar.

"Vou procurar fazer o meu trabalho e agarrar essa oportunidade, justificando assim a confiança do professor Zé (Ricardo)", projetou. "Meu objetivo é manter a lateral esquerda em destaque, repetindo o que o Ramon e o Henrique fizeram."

Fabrício falou também sobre a semifinal do Carioca. E, independentemente de quem seja o adversário, que ainda não foi definido, ele anteviu um duelo complicado. "Será um jogo grande, uma semifinal, uma partida que todo jogador sonha em jogar", pontuou. "Precisamos entrar ligados. Temos aproveitado muito bem esses dias. Todos estão ouvindo atentamente as orientações do professor e treinando com foco."

Enquanto Fluminense e Botafogo disputam neste domingo a final da Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca, o elenco do Vasco treinou normalmente pela manhã e seguiu a preparação para a semifinal da competição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.