Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Fabrício só volta ao Corinthians em 2005

O ambiente no Corinthians, que já está pesado com tanta pressão, ficou pior na tarde desta quarta-feira. Os jogadores souberam que o ano acabou para Fabrício. O volante, que se submeteu a uma artroscopia no joelho direito e estava conformado em ficar um mês afastado, teve uma péssima notícia.O médico Moisés Cohen, que o operava no Hospital São Luís, no Morumbi, percebeu que os ligamentos cruzados posteriores estavam "frouxos" e poderiam se romper a qualquer momento. Decidiu reconstruí-los. A recuperação completa deverá levar oito meses.Na análise do técnico Oswaldo de Oliveira, Fabrício era o jogador que mostrava maior crescimento técnico. O volante, que confessou haver se deslumbrado com o sucesso e atrapalhado o próprio futebol, estava tentando ser mais profissional. Parou de sair à noite e até pintou de preto o cabelo, que estava cheio de luzes amarelas, como os atores da série Malhação, que ele adora acompanhar.A notícia da longa recuperação de Fabrício surgiu no mesmo dia em que o clube emprestou o volante Pingo para o Atlético Paranaense. Como a diretoria já havia se comprometido, não teve como voltar atrás. O time ficou carente de jogadores numa posição em que Oswaldo estava satisfeito. O pior é que o vice de futebol, Antônio Roque Citadini, já avisou que o clube está em "péssimas condições financeiras para contratar".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.