Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Fagner admite fraco futebol corintiano em empate e culpa má qualidade do gramado

Lateral-direito projeto melhora no jogo de volta, no Itaquerão

Estadão Conteúdo

01 de abril de 2017 | 21h18

O lateral-direito Fagner admitiu que o Corinthians não fez uma boa apresentação no empate sem gols com o Botafogo, neste sábado, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP), no duelo de ida pelas quartas de final do Campeonato Paulista.

O principal motivo pelo fraco futebol apresentado pelas duas equipes, segundo o jogador, foi a má qualidade do gramado. "A gente tem capacidade para colocar a bola no chão e não conseguiu pelo gramado. O adversário também dificultou. A bola batia e voltava, ficava uma correria, com chutão para os dois lados. Reconheço que foi um jogo sem qualidade nenhuma", afirmou em entrevista ao canal Premiere FC ao final da partida.

Fagner, no entanto, prometeu uma apresentação completamente diferente na partida de volta, no próximo domingo, no estádio Itaquerão, em São Paulo. "Tenho certeza que no nosso estádio a grama vai deixar o jogo ser melhor", completou.

O atacante Jô gostou do empate na primeira partida, mas também cobrou uma evolução da equipe para evitar uma classificação sofrida. "Se continuar assim, vai ser complicado. Precisamos diminuir a margem de erro", comentou.

Antes do duelo de volta contra o Botafogo, o Corinthians fará a sua estreia pela Copa Sul-Americana. Nesta quarta-feira, às 21h45, no Itaquerão, o time alvinegro receberá o Universidad de Chile. O técnico Fábio Carille ainda não informou se poupará os titulares.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.