Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Fagner se cala sobre protesto e vê Corinthians em evolução 'pouco a pouco'

Lateral-direito analisou o empate por 1 a 1 com o Santos e preferiu não comentar sobre a manifestação de torcedores

Redação, O Estado de S.Paulo

07 de outubro de 2020 | 21h24

O lateral-direito Fagner vê o Corinthians em evolução "pouco a pouco". Após o empate por 1 a 1 com o Santos, na noite desta quarta-feira, na Neo Química Arena, o jogador analisou o clássico e lamentou o gol sofrido logo aos dez minutos. O Corinthians buscou o empate no fim do primeiro tempo e não conseguiu a virada na etapa final.

"Tenho certeza de que o início não foi da forma que esperávamos, tomamos o gol cedo, mas a partir daí a equipe melhorou a postura, conseguimos pressionar, faltou só um pouquinho de paciência para concluir. A evolução está acontecendo pouco a pouco", analisou.

Fagner foi um dos alvos do protesto de torcedores organizados na última terça-feira, em frente ao CT Joaquim Grava. Ele preferiu não comentar sobre o assunto e disse estar "confiante".

"Prefiro não opinar sobre isso, é continuar trabalhando, minha confiança é a mesma para ajudar o Corinthians da melhor forma possível", disse.

O Corinthians vem sendo pressionado pela sequência negativa. São quatro jogos sem vitória, com dois empates e duas derrotas. A equipe está mais perto da zona de rebaixamento do Brasileirão do que das primeiras colocações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.