Pedja Milosavljevic/AFP
Pedja Milosavljevic/AFP

Faixa de capitão arremessada por Cristiano Ronaldo é leiloada por R$ 428 mil

Bombeiro recupera artefato e arrecada dinheiro para tratamento de uma criança de apenas seis meses

Redação, O Estado de S.Paulo

02 de abril de 2021 | 11h15

A faixa de capitão usada por Cristiano Ronaldo no jogo com a Sérvia, no último sábado, pelas Eliminatórias Europeias da Copa do Mundo do Catar, foi leiloada em 75 mil dólares (aproximadamente R$ 428 mil). Líder de seleção portuguesa em campo, o jogador da Juventus arremessou o artefato longe em um momento de raiva após o juiz anular seu gol de forma errônea nos instantes finais de partida.

A faixa com a letra "C" estampada por recuperada pelo bombeiro Djordje Vukicevic, que trabalhava na partida realizada no estádio Estrela Vermelha, na Sérvia. Ele então decidiu leiloar o item através de um site especializado e toda a verba obtida foi destinada a ajudar crianças doentes. O comprador foi anônimo.

Vukicevic disse, em entrevista a uma TV local, que optou pelo leilão após se consultar com alguns colegas do corpo de bombeiros. A criança beneficiada com o valor obtido é um bebê de seis meses, chamado de Gavrilo Djurdjevic, que sofre de amiotrofia espinhal, uma doença muito rara que afeta um em cada 10 mil recém-nascidos. Sem o tratamento adequado, os músculos enfraquecem progressivamente até paralisia ou morte, geralmente antes dos dois anos.

O custo para tal tratamento é de cerca de 2,36 milhões de dólares, aproximadamente R$ 13,4 milhões. Como na Sérvia a renda geral da população é bem baixa, se tornou comum no país as arrecadações do tipo "vaquinha" para que pessoas com dificuldades financeiras e problemas de saúde graves sejam ajudadas neste sentido.

Por conta de seu erro, o árbitro holandês Danny Makkelie pediu desculpas publicamente pelo erro, que acabou custando dois pontos a menos a Portugal. "Tudo o que posso dizer é que pedi desculpa ao treinador, Sr. Fernando Santos, e à equipe portuguesa pelo que aconteceu", disse o juiz ao jornal português A Bola. Vale lembrar que o VAR não está disponível nas Eliminatórias Europeias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.