Falido, Parma será leiloado até o fim deste mês

O Parma, um dos principais clubes do futebol italiano nos últimos 15 anos, irá a leilão até o fim deste mês. O anúncio foi feito nesta sexta-feira pelo diretor-executivo do clube, Roberto Cappelli, um dos membros da cúpula que comanda o clube desde 2003, quando a Parmalat, ex-proprietária, declarou falência.De lá para cá, o Parma vive séria crise financeira e, por extensão, técnica: no ano passado, escapou por pouco do rebaixamento, e na atual temporada, ocupa a penúltima posição, com apenas 12 pontos, isso mesmo com a punição a vários clubes por causa do escândalo de manipulação de resultados, no qual o clube não foi envolvido.Por causa disso, o valor a ser alcançado no leilão deve ser inferior aos 27 milhões de euros (cerca de R$ 75 milhões) pedidos no ano passado, quando o clube quase foi negociado com um grupo espanhol liderado pelo ex-presidente do Real Madrid Lorenzo Sans.O Parma subiu para a Série A pela primeira vez em 1990, e no período de vacas gordas, conquistou duas vezes a Copa da Uefa, em 1995 e 1999, e uma vez a Recopa, em 1993, além de ganhar três títulos da Copa da Itália, em 1992, 1999 e 2002. Entre outros brasileiros, vestiram sua camisa o goleiro Taffarel, o meia Alex e o atacante Adriano."É a hora de capitalizar o interesse que houve no clube durante o mês passado. Se tudo for feito rapidamente, o novo proprietário pode até aproveitar a janela de transferências", explicou Capella, referindo-se ao período que se encerra no dia 31 de janeiro.

Agencia Estado,

02 de janeiro de 2007 | 18h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.