Ricardo Duarte / S.C. Internacional
Ricardo Duarte / S.C. Internacional

Falta de vitórias fora de casa preocupa Odair Hellmann no Internacional

Equipe não conquista os três pontos na casa do adversário há 11 jogos, somando o torneio do ano passado

Redação, Estadão Conteúdo

27 de maio de 2019 | 09h58

Cotado como um dos favoritos ao título do Brasileirão, o Internacional viu o Palmeiras abrir vantagem na liderança da tabela, no fim de semana. O time gaúcho tem dificuldades para brigar pelas primeiras posições porque ainda não conseguiu vencer fora de casa. E a falta de pontos longe do Beira-Rio vem preocupando a comissão técnica.

A ausência de triunfos fora de casa já é uma constante desde a reta final do campeonato passado. Ao todo, são 11 jogos sem somar os três pontos no estádio do adversário. O Inter não vence um duelo deste tipo desde 22 de agosto, quando superou o Bahia em Salvador, pelo segundo turno do Brasileirão ao ano passado.

No domingo, o Inter voltou a tropeçar fora de casa ao ficar no empate sem gols com o Santos, na Vila Belmiro. O técnico Odair Hellmann não escondeu a decepção. "Por tudo que produzimos aqui, a gente sai com um gosto que a vitória poderia ter acontecido, fizemos por acontecer. Criamos as melhores oportunidades. Fizemos um bom jogo. Brasileiro é regularidade. Jogamos para ganhar", comenta.

Neste Brasileirão, em seis jogos disputados, o Inter tem duas derrotas. As duas justamente foram sofridas longe do Beira-Rio. Contra o Santos, o empate significou o primeiro ponto obtido fora dos seus domínios. "No Brasileiro precisávamos pontuar, mas ainda precisamos vencer partidas. Só assim se ganha títulos", admite Odair, sem esconder a preocupação.

Ele, contudo, trata de valorizar o resultado na casa santista. "O Santos não perdeu na Vila ainda [neste ano]. Fizemos um grande jogo. Melhor um ponto do que perder o jogo", pondera o treinador do Inter.

O time gaúcho ocupa a sétima posição da tabela, dez pontos, seis a menos que o líder Palmeiras. Na próxima rodada, o adversário será o Avaí, em Porto Alegre, no domingo que vem.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.