Família de Luis Fabiano quer deixar Sevilla após roubo

Ladrões armados assaltaram a casa de atacante brasileiro no começo deste ano

Reuters

23 de março de 2008 | 12h36

O atacante Luis Fabiano, artilheiro do Campeonato Espanhol, afirmou que está sob pressão de sua família para deixar o Sevilla depois de homens armados terem roubado sua casa na cidade espanhola de Sevilha. "A minha família está muito assustada e não quer ficar em Sevilla", disse o jogador segundo a imprensa espanhola no domingo. "Estou tentando convencê-los do contrário, mas não é fácil". Nas últimas semanas surgiram especulações ligando Luis Fabiano, que marcou 22 gols nesta temporada do Campeonato Espanhol, ao Real Madrid ou ao Barcelona.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.