Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Faria tudo igual de novo, diz Tite

O técnico Tite se despediu dos jogadores do Corinthians nesta terça-feira e concedeu entrevista coletiva na qual reafirmou sua maneira de trabalhar no futebol. ?Não me arrependo de nada do que fiz e faria tudo igual de novo. Estava fazendo um trabalho de longo prazo com os jogadores e, infelizmente, ele foi interrompido. Tive várias oportunidades e outras propostas de clubes, até financeiramente melhor e com melhor comissão técnica, mas não dei as costas para o Corinthians. Eu faço o meu trabalho até o final?, disse. O treinador foi demitido por telefone pelo diretor da MSI Paulo Angioni.O treinador negou que teve interferência do presidente da MSI, Kia Joorabchian, em seu trabalho, mas admitiu que houve desentendimentos no vestiário do Morumbi após a derrota para o São Paulo, por 1 a 0, domingo. ?O Kia nunca interferiu no meu trabalho, nem nunca escalou jogador?, garantiu.A atitude do empresário causou desconforto entre os diretores do clube e o vice-presidente de futebol Andrés Sanches garantiu que outra dessas não vai mais acontecer.O técnico mais cotado para o lugar de Tite é o argentino Daniel Passarella.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.