Federação Albanesa ajudará Kosovo a ser membro da Fifa

Albânia quer reestruturar a federação de futebol dos kosovares; reconhecimento não será fácil

EFE

03 de março de 2008 | 18h06

A Federação Albanesa de Futebol se comprometeu a ajudar o Kosovo, que declarou independência da Sérvia recentemente, a fazer parte de Fifa e Uefa o mais rápido possível."Somos duas federações mais que irmãs e a Albânia está comprometida a ajudar o Kosovo em todos os aspectos até que esteja filiado a Fifa e Uefa com direitos plenos", afirmou Armand Duka, presidente da federação albanesa, ao lado de Fadil Vokrri, à frente do futebol do Kosovo.Segundo Duka, o mais importante é a reestruturação da federação kosovar, incluindo a adoção de seu estatuto em conformidade com os de Fifa e Uefa. A Albânia também está disposta a contribuir na criação de uma estrutura moderna administrativa, incluindo capacitação profissional de treinadores.O reconhecimento internacional da seleção do Kosovo poderia prejudicar a Albânia, pois seis de seus melhores jogadores são de origem albano-kosovar. "Daremos uma solução para este problema no momento certo. Não queremos enfraquecer a representação da Albânia e fortalecer a do Kosovo. Queremos ver duas seleções fortes", afirmou Vokrri aos jornalistas.

Tudo o que sabemos sobre:
KosovoFifa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.