Federação Francesa faz acordo e Leonardo encerra ação contra entidade

A Federação Francesa de Futebol (FFF) anunciou nesta terça-feira que chegou a um acordo com o brasileiro Leonardo para por fim ao conflito judicial que já durava mais de um ano. A entidade prometeu revelar os detalhes do acordo em entrevista coletiva, acompanhado do ex-jogador, nesta quinta-feira.

Estadão Conteúdo

15 de dezembro de 2015 | 19h33

"A fim de tornar público o acordo pelo qual se comprometeram a acabar com a disputa entre eles, a Federação Francesa de Futebol e do Sr. Leonardo De Araujo vão realizar uma conferência de imprensa conjunta na sede da FFF na quinta-feira, dia 17, às 11h30", informou a entidade.

O caso se refere a uma ação judicial que o brasileiro abrira contra a Federação pedindo 8,5 milhões de euros em razão de prejuízos "profissionais e morais". Leonardo acionara a entidade na Justiça por causa da suspensão de 12 meses que sofreu em julho de 2013.

De acordo com a Federação, ele teria agredido o árbitro da partida entre Paris Saint-Germain, do qual era diretor de futebol, e Valenciennes. O ex-meia nega a agressão, que teria ocorrido ao fim da partida.

Na época, Leonardo recorreu da decisão e obteve a anulação da punição em junho do ano seguinte. Em seguida, acionou a Federação para cobrar indenização como reparação por "danos materiais, financeiros e profissionais" e por "danos morais, contra a imagem e a honra."

O caso foi encerrado recentemente, segundo a Federação, com um acordo entre as partes. Os detalhes serão revelados nesta quinta-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.