Antonio Calanni/AP
Antonio Calanni/AP

Federação Sérvia envia vídeos à Fifa e reclama de árbitro na derrota para Suíça

Sérvios reclamam de lance em que Mitrovic sofreu falta de dois zagueiros e o árbitro não assinalou nada

Estadão Conteúdo

24 Junho 2018 | 06h38

A Federação de Futebol da Sérvia prestou queixa formal à Fifa contra o árbitro alemão Felix Brych, que apitou a derrota da seleção do país por 2 a 1 contra a Suíça na sexta-feira pelo grupo do Brasil.

+ Técnico da Sérvia exalta 'superpotência' Brasil, mas mantém confiança por vaga

+ Imprensa suíça critica gestos de apoio a Kosovo feitos por Xhaka e Shaqiri

+ Preocupado, técnico da Sérvia promete empenho contra o Brasil

"Enviamos sete gravações de vídeo mostrando claramente decisões tendenciosas de Brych contra a nossa equipe", informou em comunicado. "Os vídeos revelam a dupla interpretação de Brych no momento de dar cartões amarelos. Mostram como ele foi rápido em advertir nossos principais jogadores, enquanto ele não fez o mesmo em situações semelhantes do outro lado", prosseguiu.

A principal reclamação, no entanto, foi de um pênalti não assinalado em cima de Aleksandar Mitrovic no segundo tempo, quando a partida estava empatada em 1 a 1. No lance, Brych optou por não consultar o árbitro de vídeo.

 

"Foi um erro gritante não conceder a penalidade. Poderia ter transformado a história da partida. O mundo inteiro viu, menos ele", afirmou. "A Sérvia é a única equipe do mundo da Copa onde o árbitro do jogo escolheu ignorar os lances polêmicos e aí se levanta a questão se o VAR está sendo usado seletivamente", finalizou.

Com a derrota para a Suíça, a Sérvia ficou em situação complicada para conseguir a classificação no Grupo E. Para avançar, precisará vencer a seleção brasileira na próxima quarta-feira, às 15h (de Brasília), em Moscou.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.