Federação volta atrás e Carioca não terá jogos às 8h

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) convenceu nesta segunda-feira o sindicato de jogadores do Rio a aceitar a realização de partidas às 16 horas para três equipes, o que evitará que Boavista, Madureira e Resende façam seus jogos às 8 horas da manhã.

AE, Agencia Estado

22 de fevereiro de 2010 | 19h35

Como o sindicato havia conseguido uma liminar impedindo a realização de jogos entre as 10 e as 17 horas, e esse clubes não têm estádios com iluminação artificial, eles seriam obrigados a jogar pela manhã ou perderiam o mando de campo.

O acordo foi possível com o fim do horário de verão. Mas a união dos atletas já avisou que para o ano que vem nenhuma partida será jogada antes das 17 horas e que os clubes precisarão se adequar à nova condição.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato Carioca

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.