Wilton Junior/Estadão
Wilton Junior/Estadão

Felipão alfineta Fifa por chegar atrasado ao Maracanã

Treinador não gostou de dar um longo passeio no ônibus da entidade para chegar até o estádio

ROBSON MORELLI - Enviado especial, Agência Estado

29 de junho de 2013 | 20h05

RIO - O técnico Luiz Felipe Scolari deu uma pequena cutucada na Fifa durante a entrevista coletiva que concedeu no Maracanã, antes do treino da seleção brasileira neste sábado. O treinador não gostou de ter que dar um longo passeio no ônibus da entidade para chegar até o estádio, o que causou atraso na coletiva e em toda a programação.

"Fizemos um passeio pela praia e sentimos que todo mundo está acreditando na gente, acenando para a gente. A gente chegava aqui (no Maracanã) em 20 minutos e agora levou 40 minutos porque demos um passeio pela praia porque a Fifa escolheu esse caminho", disse ele.

Felipão e a Fifa entraram em rota de colisão em Fortaleza. Isso porque o treinador decidiu abrir os portões de um treino da seleção temendo pela segurança das cerca de 5 mil pessoas que se aglomeravam do lado de fora do Estádio Presidente Vargas. A Fifa, que recomenda que esse tipo de atividade seja fechada, deu uma dura no treinador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.