Felipão assume "nova empreitada"

Assim que confirmou oficialmente a contratação de Luiz Felipe Scolari para a seleção brasileira, em entrevista coletiva que está sendo realizada em Brasília, o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, disse que o treinador estava assumindo uma ?nova empreitada?. Em seguida, o dirigente entregou ao técnico o agasalho do time do Brasil para simbolizar a sua estréia no comando da equipe e o fim da "era do terno e gravata", que marcou a seleção com Luxemburgo e Leão como treinadores.Felipão disse que a sua responsabilidade na seleção aumentou ainda mais depois de ter sido apontado pela torcida como o preferido para substituir Emerson Leão. Na pesquisa realizada pelo Estadao.com.br ele teve 54,84% dos votos. ?O resultado dessas pesquisas colocam você numa posição em que tu não pode falhar?, explicou o treinador.O novo treinador da seleção também assegurou que irá manter seu estilo de comando. ?Em todo o meu trabalho no futebol sempre tive muita luta, dedicação e empolgação. Se conseguir passar metade disso tudo para os jogadores, tenho certeza de que ficaremos orgulhosos dos nossos atletas?, afirmou Felipão.

Agencia Estado,

12 de junho de 2001 | 16h23

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.