Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Lucas Uebel/ Grêmio FBPA
Lucas Uebel/ Grêmio FBPA

Felipão assume o Grêmio: 'Vamos sofrer um pouco, mas também teremos alegrias'

Equipe tricolor é lanterna do Campeonato Brasileira e busca soluções com a chegada do experiente treinador

Redação, Estadão Conteúdo

09 de julho de 2021 | 14h02

Assumir o comando técnico do Grêmio não é uma novidade para Luiz Felipe Scolari. Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, o treinador disse 'estar em casa', mas terá o desafio de tirar a equipe gaúcha da lanterna do Campeonato Brasileiro. De cara, fará sua estreia diante do rival Internacional, neste sábado, às 16h30, na Arena. Felipão nunca assumiu um time em último lugar. Ou seja, só tem um caminho, para cima.

"O desafio é muito grande. Mas será que algo pode ser maior do que estar no Grêmio? Mas será que tem algo tão grande como ser gremista e estar dirigindo o Grêmio? Será que alguém sente o que eu sinto? Eu estou em casa", disse o veterano treinador, de 72 anos, campeão do mundo em 2002. "Nós do Grêmio estamos vivendo uma fase ruim, mas vamos passar por isso. Vamos sofrer um pouco, mas também teremos alegrias. Estou em casa, me sinto bem. Quero mostrar a todos que eu estou vivendo esse momento com eles. Abraço isso. Todos vamos viver essa dificuldade, mas ficaremos felizes no futuro."

Felipão disse que um dos fatores que poderão ajudar o time a sair da crise é o forte lado psicológico. "Não posso dizer detalhadamente como vamos fazer para tirar o Grêmio dessa dificuldade. O que posso definir é que temos de trabalhar. Mas o que temos de fazer e já estamos fazendo, e acredito que já foi feito na manhã desta sexta-feura, é a mudança de pensamento, da parte psicológica. O entendimento é que somos um grupo de jovens e experientes, em que todos têm condições de jogar uma partida de futebol."

Felipão assinou contrato com o Grêmio até o fim de 2022 e já teve seu nome publicado no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF, o que possibilita sua presença no banco de reservas para orientar a equipe já no Gre-Nal, em duelo válido pela 11ª rodada do Brasileirão. O Grêmio tem levado vantagem nesse jogo.

Para compor sua comissão técnica, Felipão trouxe os auxiliares Paulo Turra e Carlos Pracidelli, além de Thiago Gomes, que completa a equipe, ocupando o cargo de auxiliar permanente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.