Felipão diz que Portugal, agora, vai "jogo a jogo"

"Agora é playoff. Quem estava mal pode fazer uma boa partida e eliminar quem estava bem Vamos jogo a jogo." Felipão está no seu habitat. A seleção de Portugal obteve com antecipação de uma rodada a sua classificação para as oitavas-de-final da Copa do Mundo da Alemanha, ao vencer no sábado o Irã por 2 a 0. O time joga com o México, quarta-feira, em Gelsenkirchen, e decide o primeiro colocado. Já sabe que vai enfrentar Argentina ou Holanda. Portugal está no mata-mata de um Mundial, fato que se repete 40 anos depois. Disputas eliminatórias são uma especialidade do treinador, que possui em seu currículo três títulos de Copa do Brasil e duas de Copa Libertadores, além da Copa de 2002 com a seleção brasileira"Neste tipo de disputa não se pode escolher adversário. É se preparar psicologicamente e saber que todo um trabalho estará sendo jogado", disse o treinador, que já soma nove vitórias consecutivas em Copas do Mundo. Foram sete vitórias com o Brasil na Ásia há quatro e mais duas agora com Portugal. "Quanto mais recordes e marcas o time obter melhor. Isto serve para motivar e dar moral aos jogadores." Luiz Felipe Scolari elogiou o desempenho do time contra o Irã. "Quando entramos no vestiário, disse que nada precisava ser mudado. Apenas alguns pequenos acertos, pois a equipe estava jogando certinho." Felipão prevê que a equipe atingirá o ponto ideal exatamente a partir dos jogos eliminatórios. "O Costinha está crescendo fisicamente e o Maniche adquirindo uma melhor forma. Acho que vamos conseguir jogar como fizemos na Eurocopa há dois anos e nas Eliminatórias para o Mundial." Preocupado com o estado físico dos jogadores, Felipão não deverá escalar o time titular, na terça, contra o México. "Foi fantástico conseguirmos a vitória e a vaga. Por isso, disse que o jogo de sábado era decisivo. Se não tivéssemos vencido, não poderíamos tomar as atitudes que pretendemos." E festejou. "Para nós não importa se estaremos em primeiro ou segundo do grupo. Importa que estamos classificados." Desta forma, jogadores como Deco e Cristiano Ronaldo, que reclamaram de problemas musculares nos últimos dias, poderão ser poupados. Figo, aos 33 anos, também é um dos candidatos a ganhar uma folga. Costinha, Nuno Valente e Pauleta, pendurados com cartão amarelo, podem ser substituídos. Ao mesmo tempo, Felipão exige dos jogadores respeito e dedicação na partida contra o México. "Quem jogar vai buscar a vitória. Lógico. Resultados positivos são importantes para manter o time em um mesmo patamar. Por isso que o respeito aos adversários é imprescindível."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.