Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Felipão elogia Carlos Eduardo e admite estar insatisfeito com Borja

Técnico analisa que colombiano teve atuação ruim no clássico com o São Paulo, no Pacaembu

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

16 de março de 2019 | 20h45

O técnico do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari, admitiu neste sábado estar insatisfeito com o desempenho do atacante Miguel Borja. Depois de ter substituído o colombiano no intervalo da vitória por 1 a 0 sobre o São Paulo, no Pacaembu, pelo Campeonato Paulista, o treinador apostou em Carlos Eduardo, que marcou o gol decisivo e ganhou elogios do comandante.

Na entrevista coletiva, Felipão foi questionado se a troca ao fim do primeiro tempo tinha sido motivada por uma possível insatisfação com a atuação de Borja. "Sim, é isso", resumiu o técnico na resposta. Depois do intervalo, as modificações melhoraram o time e o Palmeiras passou a ameaçar mais o rival, até conseguir chegar ao gol aos 34 minutos do segundo tempo.

O treinador afirmou que o primeiro gol pelo clube deve dar mais confiança a Carlos Eduardo. O atacante de 22 recebeu críticas nas últimas semanas pelas atuações ruins, mas segundo Felipão poderá a viver outro momento depois de ter marcado no clássico. "Não vamos esquecer que ele chegou em janeiro. Não é do dia para a noite que vamos conseguir. Felizmente, acredito agora que uma parte do aspecto psicológico foi deixado de lado. Agora ele passa a ter uma situação mais tranquila", afirmou.

Felipão avaliou que o clássico foi equilibrado, com o São Paulo melhor no primeiro tempo e com mais domínio de jogo. "Não existe resultado justo no futebol. Quem aproveita melhor as chances vence. Acho que foi bem equilibrado. Se fosse empate, não tinha resultado catastrófico para nós e para o São Paulo", afirmou o treinador.

Como a vitória garantiu ao Palmeiras a classificação para a próxima fase, o time vai para a última rodada apenas para cumprir tabela. O jogo na quarta-feira será contra a Ponte Preta, no Allianz Parque. A novidade deve ser a presença do atacante Deyverson, que cumpriu neste sábado o sexto e último jogo de suspensão por ter cuspido no corintiano Richard.

Para Entender

Guia do Paulistão 2019: tudo o que você precisa saber sobre a competição

Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo vão iniciar competição com menos de três semanas de pré-temporada

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.