JF Diorio/AE
JF Diorio/AE

Felipão reclama de árbitro e diz que se sentiu prejudicado após classificação

Técnico do Palmeiras não gosta da expulsão de Henrique durante jogo com o Grêmio e cobra CBF

Estadao.com.br,

22 de junho de 2012 | 00h55

BARUERI - O técnico do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari, disse ter se sentido prejudicado com as atitudes do árbitro Ricardo Marques Ribeiro, após o fim da partida entre o time alviverde e o Grêmio, válida pela semifinal da Copa do Brasil, nesta quinta-feira, na Arena Barueri.

Segundo Felipão, a expulsão do zagueiro Henrique, no final do 2° tempo, não teve sentido. "Eu me sinto prejudicado e gostaria que a Confederação Brasileira de Futebol, o (procurador do Superior Tribunal de Justiça Desportiva) Paulo Schmidt, ou alguém que fosse solicitasse o vídeo da expulsão do Henrique. Ele recebeu um soco e saiu da confusão, é só olhar", afirmou o técnico em entrevista coletiva.

A confusão sobre a qual Luiz Felipe Scolari fez referência começou logo após Rondinelly derrubar Barcos por trás, perto da grande área, e ser expulso. Os jogadores da equipe gaúcha não gostaram da punição e a briga começou. Durante a discussão, Edilson, lateral gremista, deu um soco no rosto de Henrique e também foi expulso. Por causa disso, a partida chegou a ficar parada por 6 minutos.

Disputando pela primeira vez uma final de campeonato desde que retornou ao time alviverde, Scolari também lamentou a perda do zagueiro na partida contra o Coritiba e cobrou alguma atitude da CBF. "Uma punição dessas em uma final mancha a imagem da competição. O patrocinador (Kia Motors) também não vai ficar contente".

As duas partidas da final da Copa do Brasil ocorrerão nos dias 4 e 11 de julho. Se vencer, o Palmeiras encerra um jejum de quatro anos sem ganhar nenhum título - o último foi o Campeonato Paulista de 2008.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.