Felipão revela vontade de retornar à seleção brasileira

Pentacampeão mundial e atual técnico da seleção portuguesa, o brasileiro Luiz Felipe Scolari revelou neste domingo que não descarta retornar ao comando do Brasil. Além disso, Felipão contou que Ronaldo, que se transferiu do Real Madrid para o Milan, é o melhor atacante do País em atividade e estaria em sua seleção."A vontade vem e passa. No momento, minha vontade é a de ficar na Europa por pelo menos três anos", contou Felipão em entrevista ao jornal O Globo. "Mas não descarto trabalhar numa equipe brasileira, até mesmo na seleção. Essa história de parar por cima (com o título do Mundial de 2002) não é comigo. Para mim, as marcas devem ser superadas."Apesar de demonstrar interesse em retornar, Felipão contou que a CBF acertou em apostar no trabalho de Dunga, que até o momento disputou sete partidas com o Brasil (foram cinco vitórias, um empate e uma derrota). "Ele está indo muito bem, tem carisma e um ótimo conhecimento de futebol."Sobre o atacante Ronaldo, que não defende o Brasil desde o final da Copa da Alemanha, Felipão contou que ele ainda tem muito futebol para dar aos brasileiros. "Vejo-o jogando na seleção, pois ainda é o melhor atacante do País."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.