Felipão vê empate justo em jogo 'equilibrado' do Grêmio diante do Goiás

Felipão vê empate justo em jogo 'equilibrado' do Grêmio diante do Goiás

Em partida sem nenhum gol, técnico destaca dificuldades dos jogadores impostas pela temperatura e gramado do Serra Dourrada

Estadão Conteúdo

19 de outubro de 2014 | 11h20

O Grêmio não passou de um empate por 0 a 0 diante do Goiás no último sábado, no Serra Dourada. O resultado refletiu bem o que foi o jogo, morno, sem grandes chances de ambos os lados. O próprio técnico gremista, Luiz Felipe Scolari, viu justiça no placar e admitiu que seus comandados não fizeram uma grande partida.

"Nenhuma das equipes teve chances vivas que pudesse lamentar que um gol foi perdido. Foi um jogo muito equilibrado, e teve a dificuldade da grama, do campo, da temperatura. Sempre tem uma coisa ou outra que pode atrapalhar a vitória de A ou B", declarou após o apito final.

Apesar da análise, Felipão negou que o Grêmio seja dependente de Dudu e Barcos, que ficaram de fora do duelo de sábado. "Não é dependência. O problema é que quando se joga com 38 graus, grama fofa como é, temos dificuldades a mais. Os jogadores não corresponderam totalmente, mas as equipes jogaram dentro do que têm condições. Com as condições, não sei se o Lucas (Coelho) não esteve em melhores condições que o Barcos hoje".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.