Marcos D´Paula/AE
Marcos D´Paula/AE

Felipe Mello quer aproveitar a chance nas Eliminatórias da Copa

Com a confiança do técnico Dunga, volante rebate as críticas quanto à sua convocação para a seleção brasileira

Redação,

26 de março de 2009 | 16h24

Cotado para o time titular do técnico Dunga, Felipe Mello não vê a hora de estrear com a seleção brasileira pelas Eliminatórias da Copa. O volante da Fiorentina (ITA) foi convocado apenas uma vez - para o amistoso contra a Itália, em fevereiro deste ano - e parece ter agradado a comissão técnica.

Veja também:

linkAdriano e Kaká fazem treinamento físico em Teresópolis 

linkAinda com dores, Kaká treinará com bola pela seleção na sexta 

linkFelipe Mello, Luisão e Marcelo saem na frente por vaga

linkResolvido no ManCity, Elano defende seu espaço na seleção

tabela Eliminatórias da Copa - Classificação

lista Eliminatórias da Copa - Calendário / Resultados

 

"Não sei se vou jogar ou não, mas se a oportunidade surgir, espero corresponder", desconversou Mello sobre o confronto da 11.ª rodada, contra o Equador. "Independente de quem seja titular, o importante é voltar do Equador com a vitória", completou.

 

Contestado no Brasil, o volante diz ter maturidade para aceitar as críticas quanto à sua convocação. "A partida contra a Itália foi uma boa surpresa para o treinador e para muita gente. Sei que falaram mal por aqui, mas na seleção tem mesmo é que 'comer pelas beiradas' e fazer melhor dos que já estão em campo", afirmou o jogador.

 

Possível companheiro de Mello no meio-campo, Gilberto Silva é outro que enfrenta ressalvas contra sua escalação e diz não se importar. "Quem vai jogar ou não a gente deixa esse problema para o Dunga resolver", resumiu o volante do Panathinaikos (GRE).

 

Equador e Brasil se enfrentam neste domingo, 29, às 18 horas, com acompanhamento do estadao.com.br e transmissão ao vivo da rádio Eldorado/ESPN, também pelo FM 107,3. Os donos da casa ocupam a sexta colocação nas Eliminatórias, com 12 pontos, enquanto o time do técnico Dunga é o vice-líder, com 17.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.